Mistério: Após suposta queda do avião Malaysia Airlines celulares dos passageiros tocam, mas ninguém atende


O mistério em torno do vôo MH370 da Malaysia Airlines se aprofundou com a mídia chinesa relatando que vários dos telefones celulares dos passageiros parecem ainda funcionar, embora as chamadas não sejam atendidas.

A irmã de um dos 239 passageiros chineses que estavam à bordo do avião mostrou a uma TV ao vivo que uma chamada para o telefone poderia ser feita.


“Esta manhã, por volta de 11:40 [AM], liguei para o número do meu irmão mais velho, duas vezes, e eu consigo ouvir o telefone tentando chamá-lo”, disse Bian Liangwei, irmã de um dos passageiros. Às 14:00, Bian chamou novamente e pode ouvi-lo tocar mais uma vez.

“Se a polícia conseguir localizar a posição, há uma chance de que ele ainda esteja vivo”. Ela já teria passado o número para Malaysia Airlines e a polícia chinesa.

Um homem de Pequim, irmão de um dos desaparecidos no avião, também comunicou à companhia aérea de que ele teria ligado para um telefone três vezes. Relatos da mídia afirmam que tudo pode ser conferido na presença de jornalistas antes de realmente ele informasse a companhia aérea.

Parentes dos passageiros estão solicitando as autoridades que procurem a localização de telefones usando o GPS dos dispositivos. 19 famílias assinaram uma declaração conjunta dizendo que os telefones celulares seus familiares ‘chamam mas ninguém atende’.

Os parentes tem pedido para a Malaysia Airlines revelar qualquer informação que possa estar escondido, buscando uma explicação para as ligações misteriosas. Os parentes reclamaram que a Malaysia Airlines não está respondendo tão ativamente como deveria.

Membros da família jogaram garrafas de água em um porta-voz do Malaysia Airlines e ameaçou protestar em frente à embaixada da Malásia na China, se a companhia aérea não “divulgar” a “verdade

Fonte:arquivoufo