Na Rússia loucos saltam de base jump com equipamento preso na pele.

 Na cidade de Konakovo, na Rússia, o grupo “Sinners”, que realiza performances de suspensão corporal, publicou um vídeo no qual homens fazem base jump de uma torre sem a “mochila” do paraquedas, mas sim prendendo os equipamentos na própria pele das costas

Ao realizar perfurações e “encaixar” hastes de metal por baixo da pele, as cordas são presas ao corpo, substituindo presilhas e outros equipamentos “tradicionais” usados nesse tipo de modalidade radical.
 
Em alguns dos saltos, alguns sem paraquedas, os homens saltam com cordas presas às costas até chegarem ao chão com o peso do corpo.
 
A gravação, que possui uma grande quantidade de avaliações negativas, foi visto mais de 76 mil vezes.
 


 
Fonte:G1